Social Icons

domingo, 24 de janeiro de 2016

Dirty Glory - Discografia Comentada

Geralmente, o ouvinte de Metal concentra seu gosto musical quase que integralmente nas diversas vertentes desse gênero, mas isso nem sempre significa gostar apenas disso. Claro, existem os que, como eu, também ouvem bandas e artistas de fora do mundo da música pesada, porém, mesmo os menos abertos também costumam reter grande empatia por algumas vertentes do Rock. Entre elas, certamente a mais constante e cultuada é o imortal Hard Rock!
Sempre surgirá alguma banda do gênero em algum lugar, em algum momento. Sempre. E algo que provavelmente contribui para que isso ocorra é a inegável influência que os grandes pilares do estilo exerceram sobre o próprio Metal, gerando atualmente um "intercâmbio de públicos", ajudando o Hard a sempre ter público e se perpetuar. Contudo, em vista da abundância, nem todas as bandas enlaçam de verdade o ouvinte, que começa a desenvolver o costume de não dar tanto valor ao saber que uma banda foca em tal proposta. Está saturado.
Só que nem tudo está perdido - é o que prova uma galera lá de São Paulo! A ideia do Dirty Glory é simples: fazer do Hard Rock a verdadeira festa de Rock 'n' Roll que ele merece ser. Por meio de músicas intensas e festivas, o quinteto inicialmente composto por Jimmi DG (vocal), Dee Machado (guitarra), André Reichhardt (guitarra), Vinni Novack (baixo) e Sas (bateria) vem propiciando isso com muita qualidade desde 2011, quando foi fundado.
A primeira amostra de potencial saiu ainda no mesmo ano na forma do EP-demo de três faixas "It's On!". Por ser demonstrativo, realmente soa como uma demo, já que a produção é modesta. Contudo, o resultado é bom e é possível sentir a energia ao longo de seus rápidos 12 minutos, principalmente na marcante faixa "Mr. Jack", que se tornou um verdadeiro cartão de visitas da banda, recebendo até videoclipe em maio do ano seguinte. A repercussão foi tão positiva que, como extensão, a canção foi convertida em uma excelente versão acústica também em vídeo pouco depois, no mês de outubro.
Prosseguindo com as composições e investindo na atratividade de conteúdos videográficos, mais um clipe foi lançado em 2013, agora da bem produzida single "Every Time I Think About You", uma belíssima passional de tocar o coração!
É a partir daí que as coisas ficam mais interessantes, uma vez que músicas suficientes para preencher o álbum de estreia foram se materializando. Quando tudo ficou bem encaminhado, partiram para o Studio Flapc4, em São Paulo mesmo, para começar a registrá-las. Durante o processo, após o fim da gravação das linhas de baixo, aconteceu uma troca de músicos na função com a saída de Vinni Novack e chegada de Vikki Sparkz, que rapidamente se entrosou com os novos parceiros.
Ainda um pouco antes do tão aguardado debut sair, mais um videoclipe foi liberado, dessa vez exibindo a forte faixa "Sticks and Stones", tema de abertura do vindouro trabalho. A canção alimentava expectativas de um grande disco, o que fatalmente aconteceria em novembro de 2015 com a chegada oficial do fantástico "Mind The Gap".
Esteja certo que o adjetivo foi empregado cuidadosamente. De produção assinada por Luis Lopes e o vocalista Jimmi DG, agora é possível uma leitura mais completa sobre o que o Dirty Glory é. Com autoridade, o conjunto foi capaz de fazer o velho e o novo darem liga, tornando o simples rótulo "Hard Rock" insuficiente diante da performance e da atmosfera. O peso e vivacidade do Glam oitentista são trazidos à atualidade por meio de uma coerente destilação com a melodia do moderno Sleaze Rock, potencializando o clássico gênero. Como resultado, tem-se 50 minutos de um verdadeiro show de uma banda entrosada, criativa, com evidente vontade de celebrar o Rock 'n' Roll. Músicas animadas, de alto astral e de forte clima festivo foram edificadas, tornando difícil não se envolver.
Tal festividade, por outro lado, deu origem a canções um tanto difíceis de assimilar plenamente na primeira audição. São turbulentas, espessas, corridas. Jimmi DG canta em tons mais elevados enquanto aplica drives, mas também canta rápido, geralmente. Combinando a característica com os frequentes acionamentos dos empolgados vocais de apoio, a coisa fica ainda mais intensa. Outro ponto é a positividade da excelente produção, que estrategicamente aplica os oportunos reverbs que dão o desejado efeito vocal em determinadas passagens (como se Jimmi cantasse com um megafone, por exemplo), mostrando que a banda tem recursos tanto musicais quanto produtivos.
Das 12 faixas, duas foram reaproveitadas de lançamentos anteriores: a single balada "Every Time I Think About You" e "Mr. Jack", do primeiro EP. As demais provaram manter o alto nível, sempre com energia, alegria e experientes solos de guitarra para fechar o ciclo das fórmulas empregadas, que são manjadas, mas muito convenientes. Vide excelentes faixas como "Failing The Test", "Fire", "20 Years of Moving On" e "Sticks and Stones", que são algumas das melhores de um disco cativante em sua totalidade. O set ainda é encerrado com mais uma balada, "The Sentence", que dá o tom da despedida.
"Mind The Gap" foi um grandioso pontapé inicial para o Dirty Glory. Ainda por cima, é barato: a cópia física custa apenas R$ 20,00 através do site oficial. Vale a pena ouvi-lo com carinho e atenção, especialmente os bons fãs de Hard Rock, que certamente gostarão muito! Quando os refrões não saírem da cabeça, você já estará num caminho sem volta.
Aliás, a banda chegou a se apresentar em Altinópolis/SP no evento Metal Land Festival, que aconteceu entre os dias 30 de outubro e 2 de novembro e inclusive contou com bandas como Andre Matos, Sepultura e Krisiun. Agora eles se preparam para mais shows de divulgação desse sensacional disco de estreia! Que tal ajudá-los a cair na estrada e levar diversão para você?

|    Official Website    |    Facebook Page    |
|    Instagram    |    YouTube Channel    |

SHOWS, IMPRENSA & MERCHANDISING:
E-mail: contato@dirtyglory.com

Assessoria de Imprensa: ASE Music
E-mail: music@asepress.com.br


 It's On! (EP) (2011)

01 - Mr. Jack
02 - The Energy
03 - Sweetie

Ouvir (YouTube)

 Mind The Gap (2015)

02 - Failing The Test
03 - 20 Years of Moving On
04 - Beyond Time
05 - Black Lightning
06 - Fire
07 - Damn The Human Race
09 - What's Her Name Again?
10 - Mr. Jack
11 - Modern Gods
12 - The Sentence

Ouvir (Spotify)
Ouvir (YouTube)

Nenhum comentário:

Postar um comentário