Social Icons

sábado, 28 de março de 2015

The Gentle Storm - Discografia

Para mim particularmente, está mais certo do que nunca: tudo o que o multi-instrumentista e compositor holandês Arjen Anthony Lucassen toca, vira ouro. Caralho!
Eu não costumo me apegar tanto a trabalhos acústicos por mais que os ache lindíssimos. Outro detalhe complicador é que não sou dos maiores fãs da voz da vocalista também holandesa Anneke van Giersbergen. Acho-a chata. Isso fez com que eu não criasse expectativa sobre o projeto The Gentle Storm, por mais que não duvidasse que seria, sim, bom. Mas, cara... é Arjen. O mestre sabe o que faz.
Pois é. The Gentle Storm é mais um projeto saído da mente desse cara que foi o responsável pela ressurreição da configuração Rock Opera (que passou a ser utilizada também no Metal, gerando o Metal Opera) através de seu maior projeto, Ayreon, e é sem dúvidas a mente mais brilhante do Rock/Metal Progressivo na atualidade. No que diz respeito a tudo que ele faz, quem é fã, como eu, tem dificuldade em ser objetivo. É incrível.
Quem o acompanha em seu principal projeto pode notar que cada vez mais elementos Folk foram gradativamente sendo introduzidos na sonoridade. A característica é bem visível em algumas músicas e trechos do álbum "01011001", de 2008, e passa a ser ainda mais explorado no épico e desafiador "The Theory of Everything", de 2013. Era até de certa forma evidente que cedo ou tarde algum projeto inteiramente voltado para o ritmo seria lançado. Essa ideia provavelmente vinha sendo alimentanda há tempos, até que em 2014 decidiu concretizá-la de vez, provocando assim o nascimento do The Gentle Storm. Na mente dele, um projeto nesse calibre pedia uma voz como a de sua amiga Anneke van Giersbergen (Agua de Annique, ex-The Gathering), voz tal que ele conhecia muito bem por já ter contado com ela em trabalhos passados. O convite foi aceito e dessa forma o trabalho finalmente foi ganhando contornos.
O principal objetivo era sintetizar um disco acústico calcado no Folk, ou seja, algo bem tranquilo e cultural. E assim foi. Interessante que o Arjen é uma pessoa bastante reclusa socialmente. Vive longe da cidade, no meio do nada, levando uma vida tranquila, exceto pela sonzeira que faz em seu estúdio. Por sua característica tímida, ele não se sente bem realizando apresentações ao vivo, por isso é extremamente raro vê-lo nos palcos. Isso prejudica a divulgação de seus trabalhos, que são do mais alto nível, mas não adianta, ele se sente mal com a adrenalina, por mais que sua performance seja ótima. Mesmo assim ele topou, enquanto o álbum do The Gentle Storm não saía, realizar alguns poucos consertos em algumas localidades da Europa, só ele e a Anneke.
Com isso, saíram na estrada e se apresentaram 11 vezes, passando por países como Holanda, Finlândia, Itália, Turquia, Polônia, entre outros, durante o mês de fevereiro de 2015. Enquanto se apresentavam, no mesmo mês lançaram de forma independente a primeira amostra de como soaria um trabalho acústico fruto da união dos dois: o EP "Exclusive Tour CD", lançado em comemoração à turnê. Ele é simplesmente fantástico em todas as suas cinco faixas. Nenhuma delas é inédita. São apenas covers, mas todos sensacionais. Três provém do Ayreon: "The Castle Hall", "Comatose" e "Waking Dreams", sendo que nessas duas últimas ainda tem o próprio Arjen como backing vocal. Em "Comatose", ele canta exatamente no formato original, antes de ter ganhado uma versão final no álbum "01011001" com o dueto entre Jorn Lande (ex-Masterplan) e Anneke, algo bastante interessante; as outras duas são "A Day In The Life", do The Beatles, e "Mad World", clássico do Tears For Fears.
Passada a onda de shows, era tempo de apenas descansar e esperar a data de lançamento oficial do álbum chegar. No dia 20 de março de 2015 saiu, através da InsideOut Music, esse que é um álbum que me impressionou de primeira, por ser muito além de minhas expectativas mesmo sendo um "simples" Folk: seu nome é "The Diary". Estamos falando de um álbum que por mais que seja calmo, é também completo musicalmente. Anneke doa sua voz, enquanto Arjen cuida dos violões, baixo acústico, banjo, bandolim, dulcimer e percussão. Só pelos instrumentos utilizados por ele dá pra ter uma ideia que é um trabalho bastante rico. Membros de sessão também tocam instrumentos adicionais como violino, cello e os mais diversificados tipos de flautas. Toda a instrumentação gera uma musicalidade que é muito bem composta, com músicas lindas e refrões que marcam. Cada canção estabelece uma ponte entre as letras e a musicalidade. Os exemplos mais fortes são "Heart of Amsterdam", que o faz se sentir na Holanda medieval com todo o seu esplendor artístico em arquitetura e quadros; e "Shores of India" com sua atmosfera indiana. É simplesmente sensacional, ao ponto de alguns dizerem que é o melhor e mais convidativo trabalho vocal da Anneke desde que saiu do The Gathering!
A edição normal de "The Diary" trás dois CDs, como é costume em quase qualquer trabalho do holandês. No entanto, o primeiro e principal CD é chamado "Gentle", ou "gentil", composto exatamente pelas músicas como foram comentadas mais acima. O segundo disco, intitulado "Storm", ou "tempestade", não contém canções inéditas, e sim as mesmas canções, mas em versão Metal. Arjen preferiu fazer dessa forma pois o projeto nasceu para ser acústico, então se o primeiro CD fosse a edição Metal e o segundo a edição acústica, daria a ideia de que o projeto é Metal e o segundo CD contém "apenas" versões acústicas das músicas mais pesadas, quando na verdade é o inverso.
Muito provavelmente o lado Storm agradará muito mais, pois ele preencheu ainda mais as canções, tirando-as da calmaria "gentil" e transformando numa "tempestade". Tudo ficou mais completo em todos os sentidos, pois tem as guitarras do Arjen e seus solos melódicos inconfundíveis, e entraram ainda mais membros de sessão tocando instrumentos como bateria, flauta francesa, violino, double-bass, guitarras adicionais, teclados, piano, violoncello e uma gama impressionante de diferentes tipos de instrumentos de sopro, tornando o trabalho algo que podemos definir como Symphonic Folk/Progressive Metal. Tudo ficou incrivelmente épico e bombástico, exigindo até mesmo que a voz da Anneke fosse duplicada em vários trechos para ficar mais forte. Os fãs mais assíduos do Ayreon talvez sintam certa nostalgia do primeiro álbum, "The Final Experiment", enquanto ouvem esse lado tempestuoso.
No mesmo dia de lançamento também saiu a edição limitada, que por sua vez conta com quatro CDs. Os dois bônus são versões instrumentais dos principais, em suas devidas edições.
Uma turnê de divulgação sucedeu ao lançamento, mas dessa vez como uma banda completa. Porém, como já se sabe, Arjen Anthony Lucassen não gosta de se apresentar, então os fãs apenas puderam testemunhá-lo no primeiro show, no dia 26 de março, em Amsterdã. Os demais foram apresentados sem ele, com uma formação que consiste em Anneke van Gierbergen no vocal, Marcela Bovio (Stream of Passion) no backing vocal, Merel Bechtold (Mayan, Purest of Pain) e Ferry Duijsens (Anneke van Gierbergen, ex-Dreadlock Pussy) nas guitarras, Johan van Stratum (Stream of Passion) no baixo, Ed Warby (The 11th Hour, Hail of Bullets, ex-Gorefest) na bateria e Joost van den Broek (ex-After Forever) nos teclados.
Arjen Anthony Lucassen não é conhecido apenas pela sua característica e qualidade singulares, mas também por sempre lançar disco com algum projeto paralelo, assim como foi com outros, a saber:Ambeon, Guilt Machine, Star One, Strange Hobby e até sua carreira solo. The Gentle Storm é mais um para a lista, mas como sempre, não com menos qualidade. Esse cara nunca erra. Tenha certeza que sentirá muito prazer ouvindo essas canções folclóricas acústicas. Meu conselho é que ouça primeiro a versão Storm, pois vai ajudar bastante a melhor visualizar o que é feito na versão Gentle.


 Exclusive Tour CD (EP) (2015)

01 - The Castle Hall (Ayreon Cover)
02 - A Day In The Life (The Beatles Cover)
03 - Comatose (Ayreon Cover)
04 - Mad World (Tears For Fears Cover)
05 - Waking Dreams (Ayreon Cover)

Download (Ulozto)
Download (Zippyshare)

 The Diary (2015)

CD 1 - Gentle Version:
01 - Endless Sea
02 - Heart of Amsterdam
03 - The Greatest Love
04 - Shores of India
05 - Cape of Storms
06 - The Moment
07 - The Storm
08 - Eyes of Michiel
09 - Brightest Light
10 - New Horizons
11 - Epilogue: The Final Entry

CD 2 - Storm Version:
01 - Endless Sea
02 - Heart of Amsterdam
03 - The Greatest Love
04 - Shores of India
05 - Cape of Storms
06 - The Moment
07 - The Storm
08 - Eyes of Michiel
09 - Brightest Light
10 - New Horizons
11 - Epilogue: The Final Entry

Download (Ulozto)
Download (Zippyshare)

CD 3 - Gentle Version (Instrumental):
01 - Endless Sea
02 - Heart of Amsterdam
03 - The Greatest Love
04 - Shores of India
05 - Cape of Storms
06 - The Moment
07 - The Storm
08 - Eyes of Michiel
09 - Brightest Light
10 - New Horizons
11 - Epilogue: The Final Entry

CD 4 - Storm Version (Instrumental):
01 - Endless Sea
02 - Heart of Amsterdam
03 - The Greatest Love
04 - Shores of India
05 - Cape of Storms
06 - The Moment
07 - The Storm
08 - Eyes of Michiel
09 - Brightest Light
10 - New Horizons
11 - Epilogue: The Final Entry

Download (Ulozto)
Download (Zippyshare)

Um comentário: