Social Icons

sábado, 16 de novembro de 2013

1000 Funerals - Discografia Comentada

Se você está afim de um som profundo, melancólico e entorpecente, agora encontrou. Banda para quem gosta de viajar em meio a um clima depressivo e fora de nossa dimensão. O 1000 Funerals satisfazer essa vontade de forma linda!
Muito pouco explorado ou divulgado, o Funeral Doom Metal é um sub-gênero capaz de saciar fãs de vertentes similares como Depressive Suicidal Black Metal. Sua sonoridade arrastada, cadenciada e rancorosa atinge o coração até mesmo de quem não é do tipo de pessoa do mais baixo astral. Certamente, esses iranianos também são capazes de fazer isso.
Esse conjunto, que é o primeiro do gênero em seu país de origem, nasceu em 2005 em Tehran, no Irã. Sua trajetória no mundo da música faz jus ao som, pois é triste e conturbada. O multi-instrumentista Emerna Hugh Warner (Hamid Avinar Malekzadeh Asl) teve a ideia de fundar a banda ao lado de seus amigos Cyrus E. (vocal gutural), Afshin Undertaker (vocal limpo e guitarra) e Parichehr Pixy (teclados). Todos chegaram a trabalhar no disco de estreia juntos, mas às beiras do início das sessões de gravação, todos saíram (alguns por questão de casamento), deixando Hamid Avinar na mão, obrigando-o a gravar o álbum inteiro sozinho. Apesar de contrariado, foi o que fez. Não houve lançamento por selo oficial (portanto, o disco é independente), pois meses mais tarde, em um acesso de fúria, o cara destruiu todos os registros, e a banda teve fim prematuro no mesmo ano. "Portrait of A Dream", de alguma forma, os registros digitais espalharam-se mais tarde, por isso hoje podemos desfrutar dessa bela obra.
Inesperadamente, Hamid reativou o 1000 Funerals em 2010, agora ao lado do também multi-instrumentista Haamoon. Hamid ficou a cargo do vocal, guitarra, bateria, baixo e teclados solos, enquanto seu parceiro cuidou dos gritos, teclado base e também das linhas de baixo. Após assinar com o selo russo Silent Time Noise, o segundo álbum de estúdio foi lançado em 2011, sob o nome "Butterfly Decadence". Infelizmente, Hamid teve problemas com ele também, e por questão de divergências morais, a banda foi levada a um segundo e definitivo fim naquele mesmo ano.
São apenas dois álbuns. Ainda assim, eles são lindos! Eles pegam a cadenciada pegada típica do Funeral Doom Metal, caracterizada por riffs "empurrados com a barriga", lentos, e vocais guturais fechados horrendos que perduram por segundos a fio em tom de sofrimento, e misturam com a ambientalização da pegada Atmosférica, muito manifestada através dos teclados e violinos. É exatamente esse segundo elemento que faz com que a sonoridade desses caras seja entorpecente e profunda.


 Portrait of A Dream (2005)

01 - Igneous Lips
02 - Final Wish
03 - Your Fancy
04 - Moon's Heart
05 - Portrait of A Dream
06 - Igneous Lips (Emerna Version)
07 - Your Fancy (Emerna Version)

Ouvir (YouTube)

 Butterfly Decadence (2011)

01 - Sutured Lips
02 - Of Love Then Deceit
03 - Nothing Has Ever Been
04 - Butterfly Decadence
05 - Vast Infinite Beauty
06 - Night's Dew (Shape of Despair Cover)

Ouvir (YouTube)

Nenhum comentário:

Postar um comentário