Social Icons

domingo, 29 de setembro de 2013

Swashbuckle - Discografia

Quanto o assunto é sobre bandas com temática pirata, muito se relaciona a duas bandas principais: Running Wild e Alestorm. Além disso, no que diz respeito à sonoridade, imagina-se uma banda que execute gêneros compatíveis com o Folk Pirata, como o Heavy, o Power, ou até o Progressive Metal, por exemplo. Mas o que ninguém (ou poucos) imagina(m) é que exista uma banda que faça isso com Thrash Metal/Crossover. Pois é, esse é exatamente o caso desses estadunidenses do Swashbuckle, uma puta banda do ramo!
É bem verdade que a mistura não é feita com 100% de eficácia. Não sei se por vontade própria dos integrantes, ou pela própria limitação do Thrash Metal. Ainda assim, a sonoridade é muito foda, divertidamente pirata e só melhora a cada álbum. Apesar de não haver aquela mistura correta e simétrica, ou seja, se limitando a uma passagem de 'porrada', e a próxima de Folk, em seguida novamente 'porrada', os caras conseguem fazer um som convincente que pode gerar fãs.
Sua sonoridade oscila entre um Thrash Metal puro e Crossover, ambos apresentando influências de Death Metal, principalmente nos quesitos vocal e bateria. Portanto, temos músicas com a firmeza do Thrash, a frenética velocidade do Crossover, os cavernosos vocais do Death e backing vocals energéticos, enfeitados e harmonizados com passagens Folk, e principalmente diversas vinhetas no decorrer dos álbuns. É muito interessante!
Swashbuckle nasceu no início de 2005 em Mercer CountyNova JerseyEstados Unidos, através do encontro do guitarrista Justin Greczyn (apelidado Commodore RedRum) com o baixista e vocalista Patrick Henry (apelidado Admiral Nobeard) em um restaurante, onde surgiu a ideia de criar uma banda que mesclasse seus principais interesses: Thrash Metal e piratas. Pouco depois a dupla se une ao guitarrista Rowin' Joe Po e lançam sua primeira demo em agosto, que foi sequenciada por uma segunda demo intitulada "Yo Ho Demo", que saiu em agosto, já contando com o baterista Michael Soganic (apelidado Captain Crashride).
O resultado foi a aquisição de um contrato com o selo Bald Freak, abrindo alas para o lançamento do debut "Crewed By The Damned", no segundo semestre de 2006. Certamente um excelente disco, de alta qualidade. Porém, nota-se uma banda ainda com menos misturas piratas do que viriam a apresentar nos lançamentos seguintes, ou seja: mais peso, um direcionamento mais seco. Pouco após o lançamento, o guitarrista Rowin' Joe Po deixa o conjunto, fazendo da banda um trio.
Os tempos que se seguiram foram de divulgação de divulgação através de shows em festivais nos Estados Unidos e Europa, ao lado de bandas como KorpiklaaniMoonsorrow, Alestorm, Die Apokalyptischen ReiterEx Deo, entre outras, onde os caras conquistaram uma identidade marcada por suas roupas piratas e apresentações bem humoradas, chegando até mesmo a apontar para pessoas do público que não estão gostando do show e aplaudir mulheres com seios grandes.
Após estreitarem relações com o Ex Deo, ambas as bandas lançaram um split promocional em junho 2009 contendo uma música de cada um: "Romulus" do Ex Deo, e "Cruise Ship Terror", até então inédita, do Swashbuckle. A visibilidade que a banda ganhou com sua turnê é consequência de sua qualidade, o que fez com que os estadunidenses conseguissem um contrato com a poderosa Nuclear Blast.
Cerca de um mês depois, o segundo álbum de estúdio dos piratas vem à luz, agora sob o título "Back To The Noose". Notavelmente o disco é mais maduro, com os rapazes demonstrando mais técnica e dando um pouco mais de atenção para o lado musicalmente pirata por meio de várias vinhetas e passagens dentro das canções. Os arranjos também estão um pouco mais acessíveis, apesar das linhas vocais continuarem avassaladoras!
O ano de 2010 entra apresentando uma nova mudança no line-up decorrente da saída do baterista Captain Crashride a fim de ingressar no Non-Stop. Sua vaga ocupada por Paul Christiansen, conhecido como Bootsmann Collins. Mais tarde, em setembro, o terceiro álbum de estúdio é lançado, chamado "Crime Always Pays...". Particularmente, é o disco que mais gosto, por ser mais abrangente, pois a pegada firme tradicional se mantém, mas os arranjos estão ainda melhor trabalhados e menos simplórios, dando uma beleza adicional às faixas que não se limita apenas à técnica da bateria ou ao lado Folk. Aqui os caras são de fato atraentes, por isso, aconselho-o como primeira experiência para quem não os conhece.
O lançamento desembocou em uma turnê onde os caras chegaram a se apresentar no famoso festival 70.000 Tons of Metal, ao lado de renomadas bandas como Amon AmarthEnsiferumSabatonExodusObituaryTestamentSodom, entre várias outras.
Contudo, a estada do baterista Bootsmann Collins não durou muito, uma vez que já em 2011 deixou seu posto. Rapidamente Eric W. Brown, sob o apelido Legendary Pirate King Eric "The" Brown, preencheu o vazio.
Como já dito, a mistura pode até não ser 100% feita, mas isso não tira o fato de que o Swashbuckle é uma banda que vale a pena ouvir, pois tem grande potencial de agradar não apenas ao público não tão familiarizado com o Thrash, mas também os thrashers de cabeça mais aberta. "Bebei, amigos! Yo-ho!"


 Yo Ho Demo (Demo) (2005)

01 - Walk The Plank
02 - Drink Up
03 - Dead Men Tell No Lies
04 - Crewed By The Damned
05 - Set Sail
06 - Paradise Defined
07 - What A Ship Is


 Crewed By The Damned (2006)

01 - Under The Black Flag
02 - Welcome Aboard
03 - Drink Up
04 - Set Sail
05 - Walk The Plank
06 - What A Ship Is
07 - Dead Men Tell No Lies
08 - The Wooden World
09 - 'X' Marks The Spot
10 - Rum Runners
11 - Upon The Spanish Main
12 - The Bazaar
13 - Jolly Roger
14 - Paradise Defined
15 - Crewed By The Damned
16 - A Fool's Errand
17 - Pirate Jargon
18 - Nautical Nonsense


 Romulus/Cruise Ship Terror (Split) (2009)

01 - Ex Deo: Romulus
02 - Swashbuckle: Cruise Ship Terror


 Back To The Noose (2009)

01 - Hoist The Mainsail
02 - Scurvy Back
03 - Back To The Noose
04 - Cloudy With A Chance of Piracy
05 - We Sunk Your Battleship
06 - Rounds of Rum
07 - Carnivalé Boat Ride
08 - Rime of The Haggard Mariner
09 - Cruise Ship Terror
10 - No Prey No Pay
11 - La Leyenda
12 - Splash-N-Thrash
13 - The Grog Box
14 - The Tradewinds
15 - Attack!!!
16 - Peg-Leg Stomp
17 - Whirlpit
18 - All Seemed Fine Until...
19 - It Came From The Deep!
20 - Shipwrecked...
21 - Sharkbait (Hidden Track)


 Crime Always Pays... (2010)

01 - Slowly Wept The Sea
02 - We Are The Storm
03 - This Round's On YOU!
04 - Powder Keg
05 - Where Victory Is Penned
06 - Of Hooks & Hornswogglers
07 - A Time of Wooden Ships & Iron Men
08 - Crime Always Pays
09 - Raw Doggin' At The Raw Bar
10 - The Gallow's Pole Dancer
11 - Legacy's Allure
12 - At The Bottom of A Glass
13 - To Steal A Life
14 - You Bring The Cannon, We'll Bring The Balls
15 - Surf-N-Turf (For Piratical Girth)
16 - Rope's End

Download

 We Hate The Sea (EP) (2014)

01 - Beer Goggles
02 - I Hate The Sea (and Everything In It)
03 - Poop Deck Toilet Wreck
04 - Slaughter On International Waters

Download

Um comentário:

  1. I have just installed iStripper, and now I can watch the best virtual strippers on my desktop.

    ResponderExcluir