Social Icons

sábado, 31 de agosto de 2013

Celesty - Discografia

Até mesmo fãs de Power Metal e Metal Melódico vão reconhecer que nos últimos anos o estilo perdeu um pouco de fôlego. Alguns conjuntos que eram grandes referências, como Hammerfall, Sonata Arctica e Edguy, deixaram a desejar em seus últimos trabalhos. Outros bons nomes como Rhapsody Of Fire, Kamelot e Stratovarius, passaram por problemas internos e mudanças em suas formações e estão tentando se recompor. Além disso, o estilo ficou saturado, com muitas bandas parecidas e sem qualquer criatividade.
Ainda assim, bons nomes começam a mostrar que o estilo continua forte e que é possível agregar coisas novas, sem perder as características clássicas, é o caso do Celesty, conjunto originário da Finlândia, formado em 1998.
Após o lançamento de algumas demos, a banda composta por Kimmo Perämäki (vocal), Tapani Kangas (guitarra), J-P Alanen (guitarra), Ari Katajamäki (baixo), Jere Luokkamäki (bateria) e Juha Mäenpää (teclados), solta seu primeiro álbum em 2002, chamado Reign Of Elements.
O álbum assusta um pouco pela introdução, que parece nos levar para um álbum de Dance, mas logo na segunda faixa, vemos que não é nada disso, com a banda bastante veloz, ótimas passagens de teclados, vocal agudo e eficiente e bons riffs e solos de guitarra. O disco pode não ter nenhuma faixa de grande destaque, mas pelo conjunto da obra, deixou claro que o Celesty não estava de brincadeira.
Em 2003, iniciaram o processo de composição do segundo álbum. Nesse período, Kimmo deixou a banda, sendo substituído por Antti Railio. Antti, tinha uma grande experiência e colaborou significativamente para o desenvolvimento do conjunto.
Já no ano seguinte, lançam o segundo álbum, Legacy Of Hate. Com esse trabalho, a banda passou a ser rotulada de Epic Power Metal, muito pelo vocal forte de Antti, que lembra um pouco o Timo Kotipelto, mas sem aqueles agudos constantes, que ás vezes enjoam.
A faixa Unbreakable, é um ótimo cartão de visitas, vez que é possível ver que a banda está ainda melhor. Tudo aqui é bem apresentado. O vocal de Antti é muito bem encaixado, os corais são interessantes, os solos fantásticos e o teclado funciona como um atrativo extra, aparecendo apenas em determinados momentos ou em solos marcantes, como na faixa Legacy Of  Hate Part I.
Ao ouvir esse disco, parece estranho ver que a banda não estourou, pois Legacy Of Hate é excelente!
Após o lançamento do álbum, J-P Alanen deixa o conjunto para se juntar ao Altaria, que havia perdido seu guitarrista, Jani Liimatainen, para o Sonata Arctica. Em seguida, o J-P é substituído por Teemu Koskela.
Com essa formação, lançam Mortal Mind Creation, em 2006. O álbum tomou uma direção mais direta e pesada que nos discos anteriores. Os vocais de Antti, estão ainda melhores, como na brutal Unreality. War Creations, Empty Room (veja as belas linhas de teclado) e Last Sacrifice são outros destaques.
No geral, mais vez a banda se superou, sendo que após ouvir Mortal Mind Creation, é capaz de você diminuir a nota para Legacy Of Hate, tamanha é a superioridade do terceiro disco.
Já que o negócio da banda é se superar, com o álbum seguinte, Vendetta, de 2009, não poderia ser diferente! Dessa vez, pode se dizer sem medo de errar, que Vendetta é uma verdadeira obra-prima, que com o tempo, pode se tornar um clássico. O Epic Power Metal desenvolvido pelo conjunto atingiu a fusão perfeita com o Power Metal tradicional. Ouça a brilhante Euphoric Dream e diga que eu estou enganado! Antti Railio fez outro trabalho irrepreensível, nos fazendo indagar como pode sair tanta gente boa de um mesmo país?
Vendetta é um álbum forte, que mostra uma banda com grande personalidade. Como eu havia dito no início do texto, o Celesty conseguiu se diferenciar, e muito, dos outros conjuntos, trabalho um som bastante eficiente, cativante e agradável para quaisquer ouvidos!
Surpreendentemente, Antti Railio deixou a banda no fim de 2009. Seu substituto foi anunciado em 2010: Tony Turunen. Isso mesmo! O cara é irmão da Tarja Turunen (ex-Nightwish). Ainda em 2010, Tapani Kangas também sai do conjunto, que passa a ser um quinteto.
Desde então nenhum trabalho novo foi lançado. As notícias mais recentes em relação à banda, vieram através de Antti Railio, que brilhou em 2013, na edição finlandesa do programa The Voice.
O Celesty é um daqueles conjuntos que dá gosto de ouvir e que merece o já conhecido selo Finlândia de qualidade.


 Warrior Of Ice (Demo) - 2001

01 - Introduction
02 - Journey To The Unknown
03 - The Truth
04 - Fire Against The Ice
05 - Behind The Stars


 Times Before The Ice (Demo) - 2002

01 - Intro
02 - Charge
03 - Power Of Stones
04 - Heart Of Ice
05 - Outro


 Reign Of Elements - 2002

01 - Intro
02 - The Charge
03 - Revenge
04 - Sword Of Salvation
05 - Reign Of Elementes
06 - Lost In Deliverance
07 - The Sword And The Shield
08 - Battle Of Oblivion
09 - Kingdom
10 - Bonus

Download

 Legacy Of Hate - 2004

01 - Intro
02 - Unbreakable
03 - Dream
04 - Breed From The Land Unknown
05 - Army Of The Universe
06 - Settlement
07 - Shelter
08 - Legacy Of Hate Part I
09 - Legacy Of Hate Part II


 Mortal Mind Creation - 2006

01 - Lord Of Mortals
02 - Unreality
03 - Demon Inside
04 - War Creations
05 - Empty Room
06 - Among The Dreams
07 - Back In Time
08 - Arrival
09 - Last Sacrifice

 Fading Away (Single) - 2009

01 - Fading Away
02 - New Sin


 Vendetta - 2009

01 - Prelude For Vendetta
02 - Euphoric Dream
03 - Greed & Vanity
04 - Like Warriors
05 - Autumn Leaves
06 - Feared By Dawn
07 - Lord (Of This Kingdom)
08 - New Sin
09 - Dark Emotions
10 - Fading Away
11 - Legacy Of Hate Pt. 3



Nenhum comentário:

Postar um comentário