Social Icons

quarta-feira, 17 de julho de 2013

Glittertind - Discografia

Por Odin! Mais uma fodástica banda de Viking Metal! Sim, mais uma banda de valorização da cultura e da história norueguesa em todos os sentidos: costumes, natureza, romantismo e histórias vikings e nórdicas. Se você é fã da vertente, ou tem interesse em se aprofundar, o Glittertind é uma boa pedida! Sua discografia é um tanto variada, o que pode provocar no ouvinte uma fácil preferência por esse ou aquele disco, mas também pode trazer fãs mais conservadores, uma vez que seu som não é apenas Viking Metal com Folk, mas também é Punk, estilo executado nos primeiros trabalhos.
Glittertind surgiu em Lillesand, na Noruega, no ano de 2001, por iniciativa do multi-instrumentista Torbjørn Sandvik, que, sozinho, almejava um som que mesclasse o Punk, o Folk e o Metal, inspirando-se em suas próprias raízes escandinavas. O nome escolhido para seu solitário projeto foi Glittertind pois, em português, significa "Pico Brilhante", o nome da segunda maior montanha da Noruega, localizada em Jotunheimen.
Não tardou e em 2002 o primeiro fruto saiu: a demo "Mellom Bakkar Og Berg", que tem quantidade de músicas suficiente para ser um álbum. A qualidade da gravação é excelente. As canções são majoritariamente cantadas em norueguês, mas algumas como "Viking Era" e "Into The Fire" são em inglês. Trata-se de um excelente disco que trás de forma clara e concisa o Punk como estilo dominante, mesclado com leves e disfarçados elementos de Folk, que fazem com que a sonoridade soe pagã.
Após conseguir um contrato com a Karmageddon Media graças à boa repercussão de seu primeiro trabalho, logo em 2003 o debut "Evige Asatro" (que significa "Odinismo Eterno") foi lançado, apresentando exatamente o mesmo direcionamento musical da demo: Punk predominante e elementos Folk, ilustrando os diversos covers de antigas canções tradicionais norueguesas. Dessa vez, o Folk se apresenta com uma leve menor timidez. Mais um excelente disco, mas ainda não "o trabalho" da banda para mim. Contudo, seria muito interessante fãs de punk darem uma chance a essa fase em especial do Glittertind, pois vão gostar de ouvir um Punk Viking.
Em seguida o EP "Til Dovre Faller" é lançado em 2005 em comemoração aos 100 anos de independência norueguesa; um fodástico disco dedicado àqueles que lutaram pela independência da Noruega, que levaram à democracia, à autonomia capital, e ao barramento da privatização dos recursos naturais e do crescimento dos monopólios. O título significa "Até Dovre Cair", inspirado no momento de acordo constitucional em 1814 quando patriotas noruegueses se reuniram alegando que lutariam pela independência até as montanhas de Dovre caírem. Combinando uma forte inspiração em um forte momento histórico com o seu amadurecimento como músico, Torbjørn Sandvik faz do EP um mini-disco sensacional, que mescla de forma perfeitíssima o Metal, Punk e Folk (ainda um tanto tímido), trazendo enfim um forte clima de Viking Metal, com canções cantadas com coros de "guerreiros vikings" marchando dispostos, fazendo de "energético", "medieval" e "fantástico" adjetivos muito bem empregados. Esse disco também representa uma transição de enriquecimento na musicalidade do Glittertind.
Em 2008, um grande passo foi dado ao obter um contrato com a poderosa Napalm Records. Inclusive, pela primeira vez a banda deixou de ser "solo", pois o também multi-instrumentista Geirmund Simonsen ingressou no time, trazendo habilidades complementares em todos os instrumentos que Sandvik já tocava, como vocal, guitarra, baixo, bateria e teclados, adicionados de programação, órgãos e acordeões. A entrada de Geirmund era um forte indício de que os próximos trabalhos do Glittertind demonstrariam uma atenção especial ao Folk.
...E assim foi. Em 2009, o maravilhoso álbum "Landkjenning" (que significa "Vista da Terra") veio à luz, mostrando que a transição de sonoridade estava completa. Essa obra-prima conceitual do Viking Metal conta a história de Olav Tryggvason, ou Olavo I da Noruega, um rei cristão que sentou no trono norueguês de 995 a 1000, quando morreu provavelmente ao cair de um barco, embora esse motivo seja vago. Ele teve grande importância na cristianização da Noruega.
A sonoridade faz lembrar bastante ao Ensiferum (em especial o EP "Dragonheads" de 2006) e ao Týr, traz uma pesada e completa atmosfera viking e nórdica, com ricos instrumentos tradicionais tocando integralmente ao longo das canções (reflexo direto da entrada de Geirmund Simonsen) e uma musicalidade completamente profissional e madura. O Punk não é deixado de lado; ele mostra as caras e dá uma risadinha aqui e ali, ou até numa faixa inteira como no caso da "Jeg Snører Min Sekk", mas claramente tem menos influência na sonoridade. Para mim, o melhor álbum dos caras, até porque tem mais a minha cara.
Em 2009, uma compilação foi lançada, consistindo no primeiro álbum "Evige Asatro" (versão de 2004) e no EP "Til Dovre Faller". Pus o link de download dos dois juntos, por isso o EP não está com um link separado.
Em 2010, quatro novos membros foram adicionados ao line-up, fazendo finalmente do Glittertind uma banda completa. São eles: Olav Aasbø na guitarra, Bjørn Nordstoga no baixo, Geir Holm nas baquetas e Stefan Theofilakis nas flautas. Isso Deslocou Torbjørn Sandvik para a posição exclusiva de vocalista, tocando guitarra apenas ao vivo. É, ao vivo; Essa nova configuração abriu as portas para a primeira turnê, que aconteceu no mesmo ano, que contou inclusive com um show em capacidade máxima no Karmøygeddon Metal Festival.
Um novo álbum foi lançado no ano de 2013, intitulado "Djevelsvart". A minha expectativa era que a banda seguisse o fodástico direcionamento de seu antecessor, mas não foi o que ocorreu, embora não seja um trabalho ruim: pelo contrário. Ao invés disso, a banda explorou novamente seu jeito tradicional de híbrido entre Viking, Folk e Punk. O resultado foi ótimo, como é de se esperar.
Contudo, impressionante e inesperado mesmo foi o álbum subsequente, "Blåne For Blåne", lançado em 2015 através da Indie Records. Nada de guitarras. Nada de distorções. Nada de barulho. Dessa vez, a aposta da banda consistiu na execução de um lindíssimo Folk Rock acústico com direito a instrumentação clássica como cello, trompas, violas, flautas e piano, deixando tudo ainda melhor do que um trabalho acústico puro já é. O trabalho é muito gostoso de ouvir e demonstra que o Glittertind é uma banda que não tem medo de arriscar e experimentar.
Inegavelmente o Glittertind é uma banda muito foda. "Landkjenning" é de longe, na minha opinião, seu trabalho mais empolgante e responsável por elevar o nome consideravelmente. Para mim, Viking Metal tem que ser assim: muito instrumento Folk, muito canto em coro, e vocais limpos. Claro que guturais (que são muito esporadicamente usados aqui) podem sim cair bem, mas nesse gênero específico, acho que os limpos se encaixam mais, dão mais climatização, enquanto os guturais desvirtuam um pouco o tom e o expressionismo. E isso o Glittertind proporciona com eficácia.


 Mellom Bakkar Og Berg (Demo) (2002)

01 - Mellom Bakkar Og Berg
02 - Viking Era
03 - Into The Fire
04 - Anne Knutsdotter
05 - Norge I Rrødt, Hvitt Og Blått
06 - I Granskogen Dyp
07 - No Ser Eg Atter Slike Fjell Og Dalar
08 - Pål Sine Høner
09 - Under The Stars
10 - Det Underjordiske Våkner
11 - Strid
12 - Skumring (Outro)


 Evige Asatro (2003)

01 - Lindisfarne (793)
02 - Karl den Store
03 - Sønner Av Norge
04 - En Stille Morgen (1349)
05 - Fjellheimen Gir Meg Fred
06 - Olav Digre
07 - Set Sail To Vinland
08 - Frostriket
09 - Evige Asatro
10 - Se Norges Blomsterdal
11 - En Liten Vise (Om Kvelden Når det Mørkner)
12 - When Johnny Comes Marching Home (Bonus Track)


 Landkjenning (2009)

01 - Landkjenning
02 - Nordafjells
03 - Varder I Brann
04 - Går Min Eigen Veg
05 - Longships and Mead
06 - Glittertind
07 - Jeg Snører Min Sekk
08 - Mot Myrke Vetteren
09 - Brede Seil Over Nordsjø Går
10 - Overmåte Full Av Nåde


 Evige Asatro/Til Dovre Faller (Compilation) (2009)

CD 1 - Evige Asatro (2004 Edition):
01 - Lindisfarne (793)
02 - Karl den Store
03 - Sønner Av Norge
04 - En Stille Morgen (1349)
05 - Fjellheimen Gir Meg Fred
06 - Olav Digre
07 - Nordmannen
08 - Frostriket
09 - Evige Asatro
10 - Se Norges Blomsterdal
11 - En Liten Vise (Om Kvelden Når det Mørkner)
12 - Skumring
13 - Norges Skaal

CD 2 - Til Dovre Faller (EP) (2005):
01 - For Norge, Kjæmpers Fødeland
02 - Flaumen Går, I Noreg Er Vår
03 - Rolandskvadet
04 - Norge I Rødt, Hvitt Og Blått
05 - Per Spelmanns Bane
06 - Svart Natt
07 - The Battle of Stiklestad

Download

 Djevelsvart (2013)

01 - Inngang
02 - Djevelsvart
03 - Sundriven
04 - Sprekk For Sol
05 - Kvilelaus
06 - Trollbunden
07 - Nymåne
08 - Tåketanker
09 - Stjerneslør
10 - Utgang

Download

 Blåne For Blåne (2015)

01 - Ukjend Land
02 - Høyr Min Song (Til Fridomen)
03 - Soria Moria
04 - Enno Nær
05 - Draumen
06 - Blåne For Blåne
07 - Når Knoppar Brest
08 - Vedunder
09 - Fnugg Av Snjo
10 - Bøn

Download (Ulozto)
Download (Zippyshare)

Nenhum comentário:

Postar um comentário