Social Icons

sábado, 25 de agosto de 2012

Xandria - Discografia Comentada

Xandria é uma excelente banda de Symphonic Metal oriunda de Bielefeld, na Alemanha, formada em 1997 pelo guitarrista Marco Heubaum. O início foi complicado. A banda não se estabilizou, vivia mudando de formação. Entretanto, naquele mesmo ano, com Marco Heubaum no vocal e guitarra, Manuel Vinke na outra guitarra, Holger Klein no baixo, Niki Weltz nas baquetas e Andreas Litschel nos teclados, o Xandria conseguiu lançar uma demo homônima, e foi só. Depois do trabalho, a banda encerrou suas atividades.
O ressurgimento do Xandria aconteceu em 1999, com uma nova formação. Marco buscou o apoio de amigos integrantes de uma antiga banda que havia formado, e com o passar do tempo, faz liga com Philip Restermeier na guitarra, Roland Krueger no baixo, Gerit Lamm na bateria e a novidade, a vocalista Lisa Schaphaus. Além disso, Marco também passou a desempenhar a função de tecladista. Com essa nova formação, uma noção do que viria a ser o Xandria surgiu, conseguindo lançar a demo "Kill The Sun", de 2001. Marco desempenhava a função de vocalista e usava o vocal de Lisa apenas em algumas partes antes da demo, mas pelo seu desempenho, ele decidiu torná-la vocalista integral. O sucesso da banda se deve muito à internet em seu princípio, onde excelentes críticas foram recebidas.
Em 2002, devido ao bom sucesso que alcançaram e ao fato de já terem começado a fazer shows, mesmo que para pequenos públicos, um contrato com a Drakkar Records foi assinado, possibilitando o lançamento do debut também chamado de "Kill The Sun". A faixa-título alavancou no top 100 alemão, se tornando sucesso absoluto. Um ótimo trabalho para começar a trilhar seus caminhos. O início de excelentes trabalhos que ainda estariam por vir! Uma turnê pela Alemanha foi feita para divulgação do álbum, recebendo boas críticas por onde passavam. Com esse impulso, no final daquele mesmo ano voltam ao estúdio para a gravação de um novo álbum.
Acontece então a primeira mudança na formação desde o sucesso: sai o baixista Roland Krueger por motivos profissionais, cedendo a vaga para Nils Middelhauve, amigo de Lisa e Marco já conhecido através de trabalhos anteriores. Com isso, "Ravenheart" é lançado em maio de 2004, demonstrando um amadurecimento impressionante e uma musicalidade muito mais sinfônica do que seu antecessor. Os teclados têm destaque decisivo na qualidade desse álbum, além da própria voz da Lisa. Com um álbum forte assim, é claro, foi mais um sucesso, ficando por sete semanas no top 40 da Alemanha. Inclusive, a faixa-título recebeu um ótimo videoclipe. Até em questão de turnês a banda melhorou, pois saiu da Europa, chegando a tocar na Ásia para mais de trinta mil pessoas no festival Busan International Rock, como banda principal.
Para o próximo álbum, voos mais altos foram alçados. Sempre com a proposta de fazer uma sonoridade mais forte dentro do Symphonic Metal, "India", lançado em 2005, indiscutivelmente o melhor álbum da era Lisa, conta com a participação da orquestra Deutsches Filmorchester Babelsberg, a mesma que junto de John Williams ganhou o óscar de melhor trilha sonora em 2003 com o filme "A Lista de Schindler", do grande Steven Spielberg. O álbum faz uma fusão de força na distorção das guitarras, poder com a orquestra, elementos da cultura indiana e a doçura do grande vocal de Lisa. Álbum que consolida de vez o Xandria como um dos nomes do Symphonic Metal. Algo interessante, é que nessa época já fazia um ano que Lisa namorava o baixista Nils Middelhauve, e é aí que eles se casam, motivo pelo qual Lisa passa a receber o sobrenome Middelhauve, como é conhecida.
Dessa vez fazendo uma sonoridade um pouco menos complexa e cheia, com um direcionamento mais específico e restrito, mas mantendo aquele estilo próprio e doce do Xandria... assim é "Salomé: The Seventh Veil", lançado em 2007. Foi o primeiro trabalho que ouvi do conjunto, mau sabendo que haviam álbuns bem melhores, e ele me agrada muito, mesmo que não dote de grandes inovações.
Infelizmente, em maio de 2008 a Lisa teve que sair da banda. Ela chegou a ser substituída por Kerstin Bischoff, mas logo Lisa voltou, apenas pra apresentações ao vivo. Em 2010, a nova vocalista foi anunciada: Manuela Kraller. Não tinha como ter noção do quão foda isso viria a ser.
Dois anos depois, a prova de que há males que vêm para o bem é lançada: o poderoso álbum "Neverworld's End". Ao meu ver, esse disco desbanca qualquer outro trabalho com a Lisa, pois além da Manuela possuir aquele vocal lírico tão conhecido por ouvintes do Symphonic Metal, que chega a ser bem parecido com o da Heidi Parviainen (Amberian Dawn), ou o da Missy (ex-Visions of Atlantis), ou até mesmo Tarja Turunen (ex-Nightwish) ou Simone Simons (Epica), pra ficar mais fácil a ter certa noção pra quem não conhece, a banda aprimora de forma fantástica a sua própria sonoridade. É fascinante, vale checar!
Após o lançamento, o baixista Nils Middelhauve também deixa a banda, e ainda não foi substituído. Dificilmente isso vai mudar alguma coisa nos próximos trabalhos, pois o principal responsável por tudo é o guitarrista e fundador Marco Heubaum.

|    Official Website    |     Facebook Page    |
|    Twitter    |    YouTube Channel    |


 Kill The Sun (Demo) (2001)

01 - Mermaids (Child of The Blue)
02 - Kill The Sun
03 - She's Nirvana
04 - Casablanca
05 - So You Disappear

 Kill The Sun (2003)

01 - Kill The Sun
02 - Mermaids
03 - Ginger
04 - She's Nirvana
05 - Forever Yours
06 - Casablanca
07 - So You Disappear
08 - Wisdom
09 - Isis-Osiris
10 - Calyx Virago

Ouvir (Spotify)

 Ravenheart (2004)

01 - Ravenheart
02 - The Lioness
03 - Back To The River
04 - Eversleeping
05 - Fire of Universe
06 - Some Like It Cold
07 - Answer
08 - My Scarlet Name
09 - Snow-White
10 - Black Flame
11 - Too Close To Breathe
12 - Keep My Secret Well

Ouvir (Spotify)

 India (2005)

01 - India
02 - Now and Forever
03 - In Love With The Darkness
04 - Fight Me
05 - Black and Silver
06 - Like A Rose On The Grave of Love
07 - Widescreen
08 - The End of Every Story
09 - Who We Are (and Who We Want To Be)
10 - Dancer
11 - Winterhearted
12 - Return To India

Ouvir (Spotify)

 Salomé: The Seventh Veil (2007)

01 - Save My Life
02 - Vampire
03 - Beware
04 - Emotional Man
05 - Salomé
06 - Only For The Stars In Your Eyes
07 - Firestorm
08 - A New Age
09 - The Wind and The Ocean
10 - Sisters of The Light
11 - Sleeping Dogs Lie
12 - On My Way

Ouvir (Spotify)

 Now & Forever (The Best of) (Compilation) (2008)

01 - Now and Forever
02 - Ravenheart
03 - Kill The Sun
04 - In Love With The Darkness
05 - Eversleeping
06 - Only For The Stars In Your Eyes
07 - The End of Every Story
08 - The Lioness
09 - India
10 - Save My Life
11 - Ginger
12 - Firestorm
13 - Some Like It Cold
14 - Black Flame
15 - Like A Rose On The Grave of Love
16 - Sisters of The Light
17 - Mermaids (Child of The Blue)
18 - Drown In Me
19 - One Word
20 - Lullaby

Ouvir (Spotify)

 Neverworld's End (2012)

01 - A Prophecy of Worlds To Fall
02 - Valentine
03 - Forevermore
04 - Euphoria
05 - Blood On My Hands
06 - Soulcrusher
07 - The Dream Is Still Alive
08 - The Lost Elysion
09 - Call of The Wind
10 - A Thousand Letters
11 - Cursed
12 - The Nomad's Crown
13 - When The Mirror Cracks (Bonus Track)
14 - The Sailor And The Sea (Bonus Track)

Ouvir (Spotify)

 Sacrificium (2014)

CD 1:
01 - Sacrificium
02 - Nightfall
03 - Dreamkeeper
04 - Stardust
05 - The Undiscovered Land
06 - Betrayer
07 - Until The End
08 - Come With Me
09 - Little Red Relish
10 - Our Neverworld
11 - Temple of Hate
12 - Sweet Atonement

CD 2 (Instrumental):
01 - The Watcher
02 - Sacrificium
03 - Nightfall
04 - Dreamkeeper
05 - Stardust
06 - The Undiscovered Land
07 - Betrayer
08 - Until The End
09 - Come With Me
10 - Little Red Relish
11 - Our Neverworld
12 - Temple of Hate
13 - Sweet Atonement

Ouvir (Spotify)

 Fire & Ashes (EP) (2015)

01 - Voyage of The Fallen
02 - Unembraced
03 - In Remembrance
04 - I Would Do Anything For Love (But I Won't Do That) (Meatloaf Cover)
05 - Ravenheart (2015 Version)
06 - Now & Forever (2015 Version)
07 - Don't Say A Word (Sonata Arctica Cover)

Ouvir (Spotify)

Nenhum comentário:

Postar um comentário