Social Icons

quarta-feira, 13 de junho de 2012

SkyHell - Discografia Comentada

Aqui uma banda pra rockeiro nenhum botar defeito. Sabem aquela banda do tipo "paixão à primeira ouvida"? Bem o tipo da SkyHell. Assim foi comigo, e tenho certeza que vai ser com muitos de vocês ao lerem esse texto, baixarem e escutarem esse ótimo disco, que, aliás, só tem música foda.
Conheci a banda por causa de um amigo, que me convidou pra ir num pequeno evento, onde tocariam três bandas, entre elas a SkyHell, entrou no YouTube e me mostrou um clipe deles: muito bem produzido, muito bem gravado, música muito bem tocada, apaixonante. Era "Pretty Baby". Muito fã de Hard Rock que sou, adorei.
Depois, quando vi eles tocando no show, tive certeza, os caras são fodas, os covers que fizeram no show também me fizeram pirar: Guns N' Roses, Whitesnake, The Offspring, AC/DC, Nirvana, Iron Maiden... O estilo perfeito pra mim. Felizmente, já tive o prazer de vê-los tocando mais uma vez, e espero poder ver outras. (rs)
Aquele som que fascina tanto os apaixonados pelo Hard Rock oitentista, quanto os que gostam mais de um som moderno, ou daquele Heavy Metal, pegada forte, atitude.
Faço minhas as palavras do Walker em relação à Glitter Magic: "Quem ouve, aposta que seja uma banda gringa, oriunda da Suécia, Inglaterra ou Estados Unidos. Mas é nossa!" Banda brazuca e de muita qualidade, originada na cidade de Uberlândia - MG, foi formada no ano de 2004 pelos integrantes Michel Platini (vocal), Rafael Mendes (baixo) e Oz Novais (guitarra). Sempre evoluindo seu som, com o tempo conquistaram seu espaço na cidade e região. Tocando covers e surgindo as músicas autorais... com muito esforço gravaram o debut em 2010, aquela correria de sair do trabalho e ir direto pro estúdio já cansado, felizmente deu tudo certo e em abril 2011 lançaram o disco: In The Name Of Rock, mais o belo clipe da música "Pretty Baby" em julho, para ajudar na promoção.
Além dos três membros fundadores, a banda conta com o tecladista Helder 'Pirocão' Ribeiro, que entrou recentemente, e o senhor baterista Miguel Bonfá. Houve também a participação do guitarrista base Vinícius Moura, mas ele não teve participação efetiva na composição nem gravação das músicas, e já deixou a banda.
Oz faz solos de guitarra fodásticos, à la Slash, por todo o disco, mais os riffs com peso e velocidade perfeitos, acompanhados do baixo e bateria muito bem tocados, com toda aquela energia.
Quando comecei a ouvir o CD foi bem na hora que estava conversando com o Michel, prontamente já falei pra ele do quanto fiquei impressionado com o início, Rafas anuncia no baixo o começo da primeira faixa "Real Faces" que já vem com uma energia pauleira que cativa qualquer um sem dificuldade, algumas partes da música fazem lembrar até o estilo do Halford, mostrando já boas influências.
Em seguida, a minha preferida, "Open The Game", que começa com aquele peso e rítmo que te fazem parar o que tá fazendo pra escutar com mais atenção, pra ficar verdadeiramente só curtindo, com os olhos fechados sentindo a música. Logo ela dá uma suavizada e já volta com tudo! Uma guitarra cavalgando e Platini mostrando sua capacidade vocal de forma explêndida, uma música que, tirando os pequenos momentos intercalados lentos, me fez lembrar o estilo do novo Accept.
Sem perder a autoridade "The Fire Sky" vem com tudo, a faixa mais curta e que tem a pegada mais rápida do disco, pra bangear com vontade. Rafas mostrando bem seu trabalho nessa última e já começam a próxima "Rock Machine" com uma interação super bacana entre os instrumentos, coisa bem feita mesmo!
Depois dessa porradaria toda "Ask Me Why" vem no momento perfeito pra dar uma suavizada aos ouvidos, mais lenta, com uma atmosfera mais sinfônica, os teclados são tocados por Michel, no caminhar da música ela vai nos mostrando uma mesclagem muito bem feita entre o épico, com aqueles gritos prolongados bem no jeitão Bruce Dickinson, e aquele bom Hard Rock.
Depois vem a já citada faixa, que talvez seja a mais conhecida da banda: "Pretty Baby" mostra aquele Hard Rock à moda antiga, com grandes influências de Guns N' Roses no vocal, principalmente. Segue na linha do Hard oitentista a ótima "Brains Explode". Depois "Opinion", com uma leve pitadinha de Rage Against The Machine no instrumental, seguida de perto pela longa "Winter's Bird", todas muito bem trabalhadas, mostrando também uma bela influência do Iron Maiden. "Winter's Bird", melódica, chega a se aproximar do épico, com solos incríveis. "Freedom" vem entre essas duas pra dar uma intercalada no ritmo ao fim do CD, com uma pegada também pesada, ritmo gostoso, que te faz gritar com empolgação "Freedom" todo refrão. (haha)
Acho que talvez até fiz citações e comparações demais deles com outras bandas, mas por aí dá pra imaginar o nível que é o som dos caras.
Marcam presença nos principais pubs de Uberlândia e região. Por onde passa, a SkyHell com qualidade sonora, presença, carisma, união e humildade conquista fãs e seguidores fiéis ao seu som (acho que sou um bom exemplo disso, rs). Seu som, além de todo o Brasilzão, já chegou em países como Canadá, Estados Unidos, Romênia, Itália e Alemanha.
A SkyHell participou também de vários festivais, dentre eles o Triângulo Music, onde foi finalista da categoria Rock/Pop Rock na edição de 2011. Além disso, já tocou ao lado de grandes artistas nacionais, como a banda Hangar, do renomado baterista Aquiles Priester.
Se você que frequenta o blog é promotor ou conhece algum, é dono de algum pub ou outra casa de shows, vale levar essa banda pra a sua cidade, a SkyHell faz os seguintes shows: Clássicos do Rock, Hard Rock, Love Metal, Guns N’ Roses Cover e Rock Acústico. Possuem no repertório mais de 70 músicas.

Fica aí o contato da banda:
(34) 9966-3686 (Michel Platini)
skyhell_band@hotmail.com

|    Site Oficial    |    Facebook    |    Twitter    |    MySpace    |
|    AboutMe    |    PalcoMP3    |    Letras    |    Comunidade Orkut    |

 In The Name of Rock (2011)

01 - Real Faces
02 - Open The Game
03 - The Fire Sky
04 - Rock Machine
05 - Ask Me Why
06 - Pretty Baby
07 - Brains Explode
08 - Opinion
09 - Freedom
10 - Winter's Bird

Download

3 comentários:

  1. Só tenho a parabenizá-lo por este digno trabalho de divulgação das bandas nacionais cara, isso é muito bom para todos que gostam de música!
    E sobre os caras do SkyHell, apesar de não ouvir HardRock desde a adolescência gostei demais do som deles, me fez lembrar os áureos tempos de GNR e Bon Jovi qdo ainda tocavam Hard.
    Nunca imaginei ouvir um Hard nacional com tanta qualidade, as músicas são ótimas e eles tem ótimas melodias, ótimo batera ( a percussão no meio de "Pretty Baby" me trouxe imediatamente "Nightrain" à cabeça) e os vocais são excelentes!
    Parabéns ao WOTM e a SKYHELL!
    e obrigado por animar meu início de sexta-feira

    ResponderExcluir
  2. otima banda mesmo e brasileira cara ,virei fá valeu ......

    ResponderExcluir
  3. muito boa banda passei pelo post mas nem liguei fui ler hoje muito boa descoberta

    ResponderExcluir