Social Icons

terça-feira, 26 de junho de 2012

Silent Cry - Discografia Comentada

Trago agora mais discografia de uma excelente banda brasileira, essa oriunda do Estado de Minas Gerais, mais exatamente da cidade Governador Valadares: Silent Cry. A banda teve seu início em 1993, com Dipho Castro (vocal e guitarra) e Jefferson Britto (vocal e bateria). Logo em seguida vieram Cristiano Jarbas (baixo) e Antonio Mattos (teclados), sendo esse último logo subtituído por Jaderson Vitorino.
Em 1994, lançaram a demo Tanatofilo, Opulente Plenilun
O debut do conjunto surgiu em 1996: Tears Of Serenity e contou a participação do guitarrista Cassio Brandi e da vocalista Suelly Ribeiro, que haviam entrado na banda em 1995.
Hum... banda de metal com dois vocalistas, um homem e uma mulher.... o que vem à cabeça? Doom Metal! Exato! O Silent Cry pratica um som muito influenciado nas bandas de Doom e de Gothic Metal. É muito difícil comparar bandas, mas é certo que a sonoridade da banda se assemelha à do Theatre Of Tragedy no seus bons momentos, sendo a principal diferença os vocais masculinos, pois na banda norueguesa o vocal é mais tradicional, parecido com temos em bandas de Gothic Metal, já na brazuca, vemos um vocal mais assemelhado às bandas de Black Metal, o que traz um contraste que muito foda com a voz de anjo de Suelly.
O único porém do disco é fraca produção. Alguns instrumentos soam mais altos que outros e em alguns momentos observa-se que timbre dos mesmos, poderia estar um pouco mais bem acertado, vez que tal seguimento, exige um cuidado maior da produção.
Vale destacar apenas que, embora gravado em 1996, Tears Of Serenity foi lançado apenas em 1997, como um trabalho independente em razão de problemas do conjunto com sua gravadora.
Apesa disso, o disco teve o seu valor reconhecido, e o Silent Cry tornou-se uma banda muito comentada no cenário underground.
Em 1999, contando com os novos membros Bruno Selmer (teclados) e Ricardo Meireles (bateria), lançam o disco Remembrance.
Pelos problemas com o lançamento de Tears Of Serenity, a banda encarou Remembrance como seu álbum de estréia e podemos dizer que fizeram bonito! Nessa época estavam com a gravadora Demise Records. Nesse disco Dilpho Castro apresentou outras linhas vocais, ora parecidas com a de Morten Veland (Tristania, Sirenia, Mortemia). Da mesma forma, os vocais de Suelly Ribeiro também estão melhores (vide faixas Tragic Memory e My Last Pain).
Esse é um disco que eu gosto demais e que dá orgulho de saber que nós também fazemos um som digno, num estilo que nunca foi muito explorado em nosso país.
Roberto Freitas assume o baixo em 2000, e com essa formação gravam Goddess Of Tears, disco que dá continuidade ao trabalho que havia sido feito em Remembrance.
Em 2001, a vocalista Suelly Ribeiro deixou o conjunto, em razão das distâncias entre o local da banda e sua cidade natal. Além de Suelly, Cassio Bandi também deixa a banda. Para o lugar da vocalista, vem Ana Márcia. Já para lugar de Cassio, não houve substituto e banda decidiu seguir com apenas um guitarrista.
Com a entrada do baterista Flávio Júnior, gravam seus dois últimos trabalhos pela Demise Records: o compacto Shades Of The Last Way... A Prelude Of A New Begin e o relançamento de Tears Of Serenity, ambos em 2002.
Dance Of Shadows, de 2002, marcou o retorno do tecladista Bruno Selmer. Esse disco, bem como os trabalhos seguintes, foram lançados pelo selo Avernus Records, que pertence aos próprios integrantes da banda.
O disco é muito interessante e traz um atrativo a mais: o ingresso do guitarrista: Albenez Carvalho. Apesar de manter a sonoridade do início de carreira, o Silent Cry, foi mais além em Dance Of Shadows, acentuando uma maior agressividade em seu som, com uma pegada Thrash em alguns momentos, como no petardo My Evil.
Ana Márcia, também fez um excelente trabalho, com seu vocal voltado mais para o Symphonic Metal. Em 2005, lançam o fodástico Darklife, que contou com novas mudanças na formação, vez que entraram para a banda a vocalista Sandra Félix e o tecladista Philipe Dutra.
No ano de 2007, Dilpho Castro lança um projeto paralelo chamado Atheistc, mas permanece com o Silent Cry.
Em 2009, a banda que conta agora com a vocalista Fabila Tozi e o tecladista Henrique, lança o disco ao vivo Dark'n Live, em formato CD/DVD. Sendo esse seu último trabalho até então.


 Tears Of Serenity - 1996

01 - Intro Act I & II
02 - Amorphism
03 - Tears Act I (The Death)
04 - Sweet Kernel
05 - Tears Act II (Lamentation)
06 - Tears Of Serenity
07 - Poem
08 - Tanatólifo
09 - Convulsion
10 - Tears Act III (Darkness)
11 - Tears Act IV (Forever)
12 - Crying Violins

Download

 Remembrance - 1999

01 - Forgotten Dreams
02 - Tragic Memory
03 - Celestial Tears
04 - Ages
05 - My Last Pain
06 - The Devil Invites To Dance
07 - Innocence
08 - Remembrance

Download

 Goddess Of Tears - 2000

01 - Desire Of dreams
02 - Lat Visions
03 - Tears Of Serenity
04 - Eclipse
05 - Crying Violins
06 - Ilusions Of Perfection
07 - The End Of Innocence
08 - Good - Bye In The Silence

Download

 Shades Of The Last Way... A Prelude Of A New Begin - EP - 2002

01 - Regret To Essence
02 - Majestic Night
03 - Glacial Poem
04 - There's To Be End
05 - Transcendence

Download

 Dance Of Shadows - 2002

01 - The Half Light
02 - Two Worlds
03 - Dance Of Shadows
04 - Silent Scream
05 - My Evil
06 - Victory's Time
07 - Only To Love You
08 - Beyond The Silent Night
09 - Devoured By Words

Download

 Darklife - 2005

01 - Sufocated In Darkness
02 - Sweet Serenades
03 - Remembrances Of The Future
04 - Last Goodbye
05 - Innocence's Look
06 - My Tears Are Still Falling
07 - The Wine's Dance
08 - The Moment Is The Time
09 - Enigmatic

Download

 Dark'n Live - 2009

01 - Intro/The Half Light
02 - My Tears Are Still Falling
03 - Illusions Of Perfection/The Wine's Dance
04 - Eclipse/The End Of The Innocence
05 - Last Visions
06 - My Last Pain
07 - Remembrance's To The Future - Enigmatic
08 - Innocence's Look
09 - Suffocated In Darkness
10 - Only To Love You
11 - Desire Of Dreams
12 - Sweet Serenades
13 - Goodbye In The Silence/Last Goodbye
14 - Innocence

Download

 Hypnotized By Love (Single) - 2014
01 - Hypnotized By Love

Download


5 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. só digo uma coisa: o comentário acima "esbanja sabedoria". O Blog ta tentando divulgar "bons" e desconhecidos trabalhos brasileiros, e ao meu ver Itac, não lhe agrada o estilo Gothic Metal; como pode então julgar as bandas da área? Julgue bandas de heavy/industrial metal como Rammstein, que é seu estilo.

    ResponderExcluir
  3. eu adoro bandas gothic metal gostaria mais novidades sobre esse estilo musica abraço

    ResponderExcluir
  4. Obrigado pela postagem, estava procurando os álbuns por um tempo.

    ResponderExcluir
  5. Que maravilha!! Valeu!!

    ResponderExcluir