Social Icons

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Nile - Discografia Comentada

Banda fodíssima, extrema e sensacional, o Nile é elemento obrigatório na lista de quem curte Metal Extremo, ou quem curte algo melódico também, pode até ser mais apaixonado ainda.
Certamente, todos nós estamos acostumados a ver como tudo combina com o Metal. Temos bandas que fazem diferentes sons, com diferentes atmosferas, influências, inspirações e conhecimentos. Estamos acostumados a ver bandas que fazem álbuns inspirados na Mitologia Grega, Celta, Eslava, Nórdica, nas fantasias, na História, várias coisas, mas na Mitologia Egípcia, as coisas já são um pouquinho mais escassas, se reduzindo a meramente um álbum, ou até mesmo uma música ou outra. O legal do Nile é que ele serve justamente pra tapar esse buraco, e de modo destruidor!
Talvez por inércia, é natural imaginar a atmosfera egípcia em bandas de Heavy, Power ou Symphonic Metal, mas não em uma banda de Technical/Brutal Death Metal. Pois é, eles fazem isso, tornando a Mitologia Egípcia obscura e violenta aos ouvidos. "Mitologia Egípcia" de modo amplo, englobando costumes, arte, religião, história, misticismo, tudo que componha o Egito Antigo. Os caras realmente misturam as coisas em meio à sonoridade, mas esse tipo de Death Metal é muito característico, tem que se sobrepor a qualquer coisa externa, fazendo com que as passagens sonoras egípcias fiquem mais em determinadas partes mais melódicas e calmas das canções, principalmente, no princípio e no fim delas. No entanto, as músicas são brilhantes, "each and every single" álbum é perfeito, sempre surpreendente! Suas letras são também inspiradas em obras de H. P. Lovecraft, um dos maiores escritores de terror de todos os tempos. Engraçado é quando eu acompanho as letras, que são fodas, mas o vocal gutural é fechado pra caramba e em diversas passagens é cantado bem rápido, fazendo com que eu me perca, hahaha... Não que eu me perca pela velocidade, mas porque com o vocal fechado, você não entende claramente o que ele está falando a não ser que esteja lendo, mas somando com a velocidade, tem vezes que é tenso!
Falando mais especificamente da história do Nile agora: essa foderástica banda chamada Nile foi formada em 1993 na cidade de Greensville, na Carolina do Sul, Estados Unidos, com sua formação consistindo em Karl Sanders (vocal e guitarra), Chief Spires (baixo e backing vocal) e Pete Hammoura (bateria).
Chamando seu estilo próprio de "Ithyphallic Metal", o primeiro trabalho do trio foi o EP "Festivals of Atonement", lançado em 1995, que logo de cara já rendeu uma pequena turnê no sudoeste estadunidense ao lado de bandas como ObituaryDeicide e Broken Hope. Um contrato foi fechado com o selo Visceral Productions, que lançou a single "Ramses: Bringer of War" em 1997, e viria a lançar o debut da banda, mas houveram complicações. O trio, então, assinou com a Relapse Records, que lançou "Amongst The Catacombs of Nephren-Ka" em 1998, e deu a oportunidade do Nile sair em outra turnê, dessa vez ao lado de Incantation e Morbid Angel. É o álbum mais cru da banda, coisa natural de um grupo iniciante. Músicas secas, agressivas, técnicas e curtas. A proposta do "Metal Egípcio" ficou muito mais por parte das letras. Mas determinadas vinhetas como "Kadurru Maqlu", ou faixas como "Ramses: Bringer of War" ou "Stones of Sorrow" mostram belos reflexos do que viria a ser o Nile mais desenvolvido mais pra frente: agressivo, com sintetizadores dando aquela atmosfera de "guerra de múmias" e solos melódicos e rápidos.
Após o lançamento do debut, mudanças aconteceram no line-up: Dallas Toler-Wade ingressou no grupo como segundo guitarrista e backing vocal, e a banda então lançou a coleção de gravações remasterizadas em 1999 chamada "In The Beginning".
Em 2000, a segunda mudança aconteceu, antes do lançamento de "Black Seeds of Vengeance": o baterista Pete Hammoura rompeu a coifa de rotadores, um grupo de músculos e tendões que serve para estabilizar o ombro. Ele não aguentaria o esforço da turnê e precisaria de alguns meses para ficar apto novamente. Ele não queria deixar a banda, mas o grupo começou a sentir que ele estava atrasando a banda, então, foi decidido que ele sairia do Nile. O baterista de sessão Derek Roddy o substituiu provisoriamente, gravando todas as músicas, exceto "To Dream of Ur".
"Black Seeds of Vengeance" foi, finalmente, lançado no segundo semestre daquele ano. O álbum se parece bastante com o primeiro, mas dota de músicas um pouquinho mais longas e uma atmosfera mais presente e notável, além de mais solos. Alguns meses após o lançamento, o baixista e backing vocal Chief Spires deixa o Nile alegando divergências pessoais e profissionais, sendo substituído por Jon Vesano. Um novo baterista também foi contratado: Tony Laureano.
Com a nova formação, "In Their Darkened Shrines" foi lançado no ano de 2002. Sem dúvidas, um dos melhores álbuns do Nile. Um grande avanço ocorreu em relação aos seus antecessores, com músicas longas, até mesmo divididas em atos e mais empolgantes e viciantes. Um crítico até mesmo alegou que o álbum tem um "Death Metal cinemático e sinfônico", querendo dizer que só acrescentou ao estilo. Dois vídeo-clipes foram gravados: "Sarcophagus" e "Execration Text".
Mudanças no line-up novamente: antes das gravações para o próximo álbum começarem, o baterista Tony Laureano deixa a banda, sendo substituído por George Kollias. Após as gravações de baixo do novo trabalho, Jon Vesano também deixa o Nile, e foi substituído temporariamente por Joe Payne para a turnê. O resultado foi o excelente "Annihilation of The Wicked", lançado em 2005, um outro foderoso trabalho dos caras!
Um grande passo em direção ao reconhecimento mundial foi dado em 2006: a banda assinou com a Nuclear Blast. Sob este grande selo, "Ithyphallic" foi lançado em 2007, um álbum foderoso pra caralho, que sou apaixonado, assim como "In Their Darneked Shrines". Eu demorei pra decorar o nome da música "Papyrus Containing The Spell To Preserve It's Possessor Against Attacks From He Who Is In The Water". Virou missão o decoreba, hahaha! Selo grande é selo grande, tem suas estratégias de marketing, e a da Nuclear Blast foi dar a vários fãs a oportunidade de ouvir o álbum com duas semanas de antecedência se conseguissem decifrar a mensagem hieróglifa, que era "papyrus". Todo o trabalho fez com que o Nile alcançasse a Billboard 200 pela primeira vez, ficando em 162º.
Em 30 de outubro de 2009, pela primeira vez o Nile lança um split, com o Vader, contendo apenas uma música de cada banda, para promoção de seus próximos álbuns. No caso do Vader, "Necropolis", e no caso do Nile, o foderoso "Those Whom The Gods Detest", lançado dia 3 de novembro daquele ano, apenas 4 dias depois. Ele foi muito bem criticado, e uma das críticas foi bela: "praticamente a única coisa que permanece no caminho do Nile a essa altura é o fato de que os ouvintes ficaram tão acostumados à excelência da banda que outro álbum excelente parece quase paridade para o curso." De fato, um puta álbum!
Em outubro de 2010, Chris Lollis foi confirmado com baixista integral do grupo, depois de quatro anos como membro de sessão, mas em fevereiro de 2012, Karl Sanders anunciou Todd Ellis como novo baixista da banda, e que ele contribuiria como backing vocal também para o novo álbum.
Finalmente, em junho, sai o tão esperado sétimo álbum do Nile: o poderoso "At The Gate of Sethu". Ele é um pouco mais voltado para o Death Metal em si, um pouco mais pesado, com um pouco menos de "egipcice", apenas vinhetas e trechos das músicas, mas também, um puta álbum, com o selo Nile de qualidade.
Sei que muita gente é apaixonada nos caras, eu também, claro, banda que tem excelência! Tinha gente ansiosa pela discografia, e aí está ela, sem demora!


 Worship The Animal (Demo) (1994)

01 - La Chant du Cygre
02 - Worship The Animal
03 - Nepenthe
04 - Surrounded By Fright
05 - Mecca

Download

 Festivals of Atonement (EP) (1995)

01 - Divine Intent
02 - The Black Hand of Set
03 - Wrought
04 - Immortality Through Art/Godless
05 - Extinct

Download

 Ramses: Bringer of War (Demo) (1996)

01 - The Howling of The Jinn
02 - Ramses: Bringer of War
03 - Die Rache Krieg Lied der Assyriche

Download

 Ramses: Bringer of War (Single) (1997)

01 - The Howling of The Jinn
02 - Ramses: Bringer of War
03 - Die Rache Krieg Lied der Assyrich

Download

 Amongst The Catacombs of Nephren-Ka (1998)

01 - Smashing The Antiu
02 - Barra Edinazzu
03 - Kudurru Maqlu
04 - Serpent Headed Mask
05 - Ramses: Bringer of War
06 - Stones of Sorrow
07 - Die Rache Krieg Lied der Assyriche
08 - The Howling of The Jinn
09 - Pestilence and Iniquity
10 - Opening of The Mouth
11 - Beneath Eternal Oceans of Sand

Download

 In The Beginning (Compilation) (1999)

01 - Divine Intent
02 - The Black Hand of Set
03 - Wrought
04 - Immortality Through Art/Godless
05 - Extinct
06 - The Howling of The Jinn (Demo Version)
07 - Ramses - Bringer of War (Demo Version)
08 - Die Rache Krieg Lied der Assyriche (Demo Version)

Download

 Black Seeds of Vengeance (2000)

01 - Invocation of The Gate of Aat-Ankh-Es-En-Amenti
02 - Black Seeds of Vengeance
03 - Defiling The Gates of Ishtar
04 - The Black Flame
05 - Libation Unto The Shades Who Lurk In The Shadows of The Temple of Anhur
06 - Masturbating The War God
07 - Multitude of Foes
08 - Chapter For Transforming Into A Snake
09 - Nas Akhu Khan She En Asbiu
10 - To Dream of Ur
11 - The Nameless City of The Accursed
12 - Khetti Satha Shemsu

Download

 In Their Darkened Shrines (2002)

01 - The Blessed Dead
02 - Execration Text
03 - Sarcophagus
04 - Kheftiu Asar Butchiu
05 - Unas: Slayer of The Gods
06 - Churning The Maelstrom
07 - I Whisper In The Ear of The Dead
08 - Wind of Horus
09 - In Their Darkened Shrines I: Hall of Saurian Entombment
10 - In Their Darkened Shrines II: Invocation To Seditious Heresy
11 - In Their Darkened Shrines III: Destruction of The Temple of The Enemies of Ra
12 - In Their Darkened Shrines IV: Ruins

Download

 Annihilation of The Wicked (2005)

01 - Dusk Falls Upon The Temple of The Serpent On The Mount of Sunrise
02 - Cast Down The Heretic
03 - Sacrifice Unto Sebek
04 - User-Maat-Re
05 - The Burning Pits of The Duat
06 - Chapter of Obeisance Before Giving...
07 - Lashed To The Slave Stick
08 - Spawn of Uamenti
09 - Annihilation of The Wicked
10 - Von Unaussprechlichen Kulten

Download

 Legacy of The Catacombs (Compilation) (2007)

01 - Cast Down The Heretic
02 - Sacrifice Unto Sebek
03 - Lashed To The Slave Stick
04 - Execration Text
05 - Sarcophagus
06 - Unas: Slayer of The Gods
07 - Masturbating The War God
08 - Chapter For Transforming Into A Snake
09 - Black Seeds of Vengeance
10 - The Howling of The Jinn
11 - Barra Edinazzu
12 - Smashing The Antiu

Download

 Ithyphallic (2007)

01 - What Can Be Safely Written
02 - As He Creates So He Destroy
03 - Ithyphallic
04 - Papyrus Containing The Spell To Preserve It's Possessor Against Attacks From He Who Is In The Water
05 - Eat of The Dead
06 - Laying Fire Upon Apep
07 - The Essential Salts
08 - The Infinity of Stone
09 - Language of The Shadows
10 - Even The Gods Must Die
11 - As He Creates So He Destroys (Instrumental Version)
12 - Papyrus Containing The Spell To Preserve It's Possessor Against Attacks From He Who Is In The Water (Instrumental Version)

Download

 Nile & Vader (Split) (2009)

01 - Nile: Permitting The Noble Dead To Descent Into The Underworld
02 - Vader: We Are The Horde

Download

 Those Whom The Gods Detest (2009)

01 - Kafir!
02 - Hittite Dung Incantation
03 - Utterances of The Crawling Dead
04 - Those Whom The Gods Detest
05 - 4th Arra of Dagon
06 - Permitting The Noble Dead To Descend To The Underworld
07 - Yezd Desert Ghul Ritual In The Abandoned Towers of Silence
08 - Kem Khefa Kheshef
09 - The Eye of Ra
10 - Iskander D'hul Karnon

Download

 At The Gate of Sethu (2012)

01 - Enduring The Eternal Molestation of Flame
02 - The Fiends Who Come To Steal The Magick of The Deceased
03 - The Inevitable Degradation of Flesh
04 - When My Wrath Is Done
05 - Slaves of Xul
06 - The Gods Who Light Up The Sky At The Gate of Sethu
07 - Natural Liberation of Fear Through The Ritual Deception of Death
08 - Ethno-Musicological Cannibalisms
09 - Tribunal of The Dead
10 - Supreme Humanism of Megalomania
11 - The Chaining of The Iniquitous

Download

 What Should Not Be Unearthed (2015)

01 - Call To Destruction
02 - Negating The Abominable Coils of Apep
03 - Liber Stellae - Rubaeae
04 - In The Name of Amun
05 - What Should Not Be Unearthed
06 - Evil To Cast Out Evil
07 - Age of Famine
08 - Ushabti Reanimator
09 - Rape of The Black Earth
10 - To Walk Forth From Flames Unscathed

Download (Ulozto)
Download (Zippyshare)

Nenhum comentário:

Postar um comentário