Social Icons

segunda-feira, 2 de abril de 2012

Burzum - Discografia Comentada

Varg Vikernes (Count Grishnackh), nasceu em 11 de fevereiro de 1973, na cidade de Bergen na Noruega.
Quando adolescente, no fim dos anos 80, Varg começou a se interessar por Heavy Metal, e tocou guitarra em bandas como Old Funeral e Satanel.
Para expor melhor suas idéias, Varg iniciou sua carreira solo no início dos anos 90, dando-lhe o nome pelo qual tinha ficado conhecido: Burzum. Muitos chamam o Burzum de "a banda de um homem só", em razão de Varg tocar todos os instrumentos, utilizando-se de músicos adicionais em poucas ocasiões.
Apesar da temática anticristã, a verdade é que Burzum nunca foi satanista.
O primeiro, auto-intitulado, álbum do Burzum foi lançado em 1992 pela Deathlike Silence Production, a gravadora de Øystein Aarseth (Euronymous), líder do Mayhem. Tal gravação aproximou as bandas e fez com que Burzum entrasse para o Mayhem após o suicídio de Dead (vocalista da banda).
Justamente o Mayhem e o Burzum, são alguns dos principais precurssores do Black Metal Norueguês.
Para defender as religiões pagãs e propagar a sua guerra contra as religiões cristãs, Burzum ao lado de outros expoentes do Black Metal escandinavo, tais como Emperor, Dissection e Darkthrone, deram início a um movimento que ficou conhecido como Inner Circle. Bård Faust, Samoth do Emperor, Jørn do Hades e o próprio Varg Vikernes estavam entre os membros mais importantes.
Até 1992, 52 igrejas foram queimadas, mais de 15000 tumbas foram profanadas e pixadas com símbolos satanistas. Alguns objetos sacros foram levados como troféus para decorar a Helvete. Entre as estruturas religiosas destruídas, uma das mais conhecidas era a Igreja de madeira de Fantoft, que foi consumida pelas chamas em 6 de junho de 1992 por Varg Vikernes. Uma foto da igreja completamente destruída foi usada na capa de Aske, compacto lançado por Burzum, ainda em 1992.
Em 1993 foi lançado o disco Det Som En Gang Var, um dos trabalhos mais marcantes do Burzum e do Black Metal.
O Inner Circle e o Black Metal já haviam sofrido uma enorme perda, com o suicídio de Dead, em 1991. Porém, o pior ainda estava por vir.
Em Janeiro de 1993, Varg Vikernes concedeu uma entrevista para um jornalista do Bergens Tidende a fim de divulgar a cena Black Metal e a loja Helvete de Euronymous. A entrevista resultou em uma investigação policial que levou Varg a ser preso por algumas semanas e forçou Euronymous a fechar a sua loja.
Em 10 de Agosto de 1993, Varg Vikernes assassinou o guitarrista Euronymous. Naquela noite, Varg Vikernes e Snorre W. Ruch viajaram de Bergen até o apartamento de Euronymous em Oslo. Na chegada, houve uma discussão e o confronto terminou com Varg Vikernes esfaqueando Euronymous.
Varg Vikernes foi condenado a 21 anos de prisão por homicídio e incêndio criminoso e Snorre W. Ruch foi condenado por cumplicidade no assassinato.
Em 1994, depois do aprisonamento, de Varg, foi lançado Hvis Lyset Tar Oss. O disco tem apenas quatro músicas, mas mais de 45 minutos e havia sido gravado antes de Varg ser preso.
Da mesma forma, em 1996, saiu Filosofem, último disco gravado por Varg, antes da prisão.
Mesmo enclausurado, Burzum ainda lançou os álbuns: Daudi Baldrs, em 1997, e que só tem teclados e Hlidskjalf, em 1999.
Ainda em 1999, Varg confirma o fim do seu projeto, e o Burzum acaba.
Dez anos depois, ou seja, em 2009, Varg sai da prisão e reinicia as atividades do Burzum.
Em 2010, lança o disco Belus, que talvez pelo fato do músico ter ficado tanto tempo afastado, tenha uma sonoridade bem semelhante aos primeiros álbuns, porém apresentando uma produção bem mais trabalhada e madura.
Fallen, lançado em 2011 e Umskiptar, lançado em 2012, são os últimos trabalhos do Burzum que se encaixam dentro do rótulo "Metal", e mostram que o músico continua em alto nível, vez que são discos coesos e que expõem todo o talento de uma das mentes mais brilhantes e ao mesmo tempo polêmicas da música pesada. Mas isso viria a mudar após o desinteresse de Varg no Black Metal, coisa que, claramente, ele foi deixando de lado com o passar dos anos.
Bom, ao longo de seus álbuns, o Burzum foi ficando cada vez mais conhecido. Não apenas pelas intrigas sérias em relação ao nome de Varg Vikernes, mas também pela banda em si ser foda, ajudando o nome a se propagar. É possível notar que cada vez mais, dos discos mais antigos aos mais recentes, a sonoridade foi ficando cada vez mais ambiental e menos Black Metal. Pois é... pelo andar da carruagem, o ambiental acabaria por dominar completamente a sonoridade, e é exatamente isso que aconteceu nesse lindo disco intitulado "Sôl Austan, Mâni Vestan". Inclusive, o Varg declarou abertamente em uma entrevista que estava se despedindo do Black Metal, uma vez que não mais estava tocando o estilo e se sentia cada vez mais atraído e empolgado com a música ambiental.
Seguindo seus gostos, o resultado é esse álbum que, apesar de não ter nenhuma distorção de guitarra sequer, é simplesmente maravilhoso. Sua atmosfera é negra, densa, depressiva, melancólica e realmente envolvente, extremamente guiada pelo uso arrastado e até "galático" dos sintetizadores. Se você ouvir isso no escuro, fazendo absolutamente mais nada, dá uma brisa viajante do caramba. Ficou realmente muito foda!


 Demo I (Demo) (1991)

01 - Lost Wisdom
02 - Spell Of Destruction
03 - Channeling The Power Of Souls Into A New God

 Demo II (Demo) (1992)

01 - Lost Wisdom Diacetylmorphine
02 - Depressive Visions Of The Cursed Warrior
03 - Lord Of The Depths
04 - Spell Of Destuction
05 - A Lost Forgotten Sad Spirit
06 - Lost Wisdom
07 - Spell Of Destruction
08 - Channelling The Power Of Souls Into A New God
09 - My Key To Purgatory
10 - Feeble Screams From Forests Unknown
11 - A Lost Forgotten Sad Spirit

 Promo '92 (Demo) (1992)

01 - Feeble Screams From Forests Unknown
02 - Ea, Lord Of The Depths

 Burzum (1992)

01 - Feeble Screams From Forests Unknown
02 - Ea, Lord Of Deeps
03 - Black Spells Of Destruction
04 - Channelling The Power Of Souls Into A New God
05 - War
06 - The Crying Orc
07 - A Lost Forgotten Sad Spirit
08 - My Journey To The Stars
09 - Dungeons Of Darkness

Ouvir (Spotify)

 Aske (EP) (1992)

01 - Stemmen Fra Taarnet
02 - Dominus Sathanas
03 - A Lost Forgotten Sad Spirit

Ouvir (Spotify)

 Det Som Engang Var (1993)

01 - Den Onde Kysten
02 - Key To The Gate
03 - En Ring Til Aa Herske
04 - Lost Wisdom
05 - Han Som Reiste
06 - Naar Himmelen Klarnar
07 - Snu Mikrokosmos Tegn
08 - Svarte Troner

Ouvir (Spotify)

 Hvis Lyset Tar Oss (1994)

01 - Det Som En Gang Var
02 - Hvis Lyset Tar Oss
03 - Inn I Slottet Fra Droemmen
04 - Tomhet

Ouvir (Spotify)

 Filosofem (1996)

01 - Dunkelheit
02 - Jesus' Tod
03 - Erblicket Die Töchter Des Firmame
04 - Gebrechlichkeit I
05 - Rundgang Um Die Transzendentale S
06 - Gebrechlichkeit II

Ouvir (Spotify)

 Dauði Baldrs (1997)

01 - Dauði Baldrs
02 - Hermo-r A Helfer-
03 - Balfer- Baldrs
04 - I Heimr Heljar
05 - Illa Ti-andi
06 - Moti Ragnarokum

Ouvir (Spotify)

 Hliðskjálf (1999)

01 - Tuistos Herz
02 - Der Tod Wuotans
03 - Ansuzgardaraiwo
04 - Die Liebe Nerpus
05 - Das Einsame Trauern Von Frijo
06 - Die Kraft Des Mitgefuhls
07 - Frijos Goldene Tranen
08 - Der Weinende Hadnur

Ouvir (Spotify)

 Visions: A Tribute To Burzum (2002)

CD 1:
01 - Aborym - Det Som Engang Var
02 - Aegishajalmar - Jesus Tod
03 - Black Queen - Inn I Slottet Fra Droemmen
04 - Cryogenic - Dunkelheit
05 - Earthcorpse - Lost Wisdom
06 - Ewigkeit - Ea 2000-Out For The Count
07 - Fornost - Wende Im Zeichen Des Mikrokosmos
08 - Funeral Procession - Der Ruf Aus Der Turm
09 - Judas Iscariot - War
10 - Krigstommer - Lost Wisdom
11 - Krystal - Balferd Baldrs
12 - Luror - Key To The Gate

CD 2:
01 - Nokturnal Mortum - Journey to the Stars
02 - Orthaugr - Der Weinende Hadnur
03 - Pagan Hellfire - Frijos Einsames Trauern
04 - Sarnath - Stemmen fra Tarnet
05 - Schizoid - En Ring Til a Herske
06 - Starchamber - Han som Reise
07 - The Syre - Black Spell of Destruction
08 - Tronus Abyss - Moti Ragnarokum
09 - Wolfsburg - Ein Verlorener, Vergessener Trauriger Geist
10 - Woods of Fallen - Beholding the Daughters of the Firmament
11 - Herrenvolk - Daudi Baldrs

 Draugen - Rarities (Compilation) (2005)

01 - Lost Forgotten Sad Spirit
02 - Sreminen Fra Taarnet
03 - Dominuus Sathans
04 - Lost Wisdom
05 - Spell Of Destruction
06 - Channeling The Power Of Souls Into A New God
07 - Outro
08 - Et Hvitt Lys Over Skogen
09 - Once Emperor
10 - Seven Harmonies Of The Unknown Truth
11 - My Journey To The Stars
12 - Lost Wisdom
13 - Dunkelheit

Ouvir (Spotify)

 Anthology (Compilation) (2008)

01 - Feeble Screams From Forests Unknown
02 - Stemmen Fra Tårnet
03 - Lost Wisdom
04 - Svart Troner
05 - Det Som En Gang Var
06 - Jesus Tod
07 - Gebrechlichkeit II
08 - Balferd Baldrs
09 - Ansuzgardaraiwô

Ouvir (Spotify)

 Belus (2010)

01 - Leukes Renkespill (Introduksjon)
02 - Belus Doed
03 - Glemselens Elv
04 - Kaimadalthas' Nedstigning
05 - Sverddans
06 - Keliohesten
07 - Morgenroede
08 - Belus Tilbakekomst (Konklusjon)

Ouvir (Spotify)

 Fallen (2011)

01 - Fra Verdenstreet
02 - Jeg Faller
03 - Valen
04 - Vanvidd
05 - Enhver Til Sitt
06 - Budstikken
07 - Til Hel Og Tilbake Igjen

Ouvir (Spotify)

 From The Depths Of Darkness (Compilation) (2011)

01 - The Coming (Introduction)
02 - Feeble Screams From Forests Unknown
03 - Sassu Wunnu (Introduction)
04 - Ea, Lord Of The Depths
05 - Spell Of Destruction
06 - A Lost Forgotten Sad Spirit
07 - My Journey To The Stars
08 - Call Of The Siren (Introduction)
09 - Key To The Gate
10 - Turn The Sign Of The Microcosm (Snu Mikrokosmos' Tegn)
11 - Channeling The Power Of Minds Into A New God

Ouvir (Spotify)

 Umskiptar (2012)

01 - Blóðstokkinn
02 - Jóln
03 - Alfadanz
04 - Hit helga Tré (The Sacred Tree)
05 - Æra
06 - Heiðr
07 - Valgaldr
08 - Galgviðr
09 - Surtr Sunnan
10 - Gullaldr
11 - Níðhögg

Ouvir (Spotify)

 Sôl Austan, Mâni Vestan (2013)

01 - Sôl Austan
02 - Rûnar Munt þû Finna
03 - Sôlarrâs
04 - Haugaeldr
05 - Feðrahellir
06 - Sôlarguði
07 - Ganga At Sôlu
08 - Hîð
09 - Heljarmyrkr
10 - Mâni Vestan
11 - Sôlbjörg

Ouvir (Spotify)

 The Ways of Yore (2014)

01 - God From The Machine
02 - The Portal
03 - Heill Odinn
04 - Lady In The Lake
05 - The Coming of Ettins
06 - The Reckoning of Man
07 - Heil Freyja
08 - The Ways of Yore
09 - Ek Fellr (I Am Falling)
10 - Hall of The Fallen
11 - Autumn Leaves
12 - Emptiness
13 - To Hel and Back Again

Ouvir (Spotify)

6 comentários:

  1. Sensacional este site , estão de parabéns! Gostaria somente de poder baixar as músicas. hehehe Como fazer ?devo instalar aquele " setup " para baixar ? Grato!

    ResponderExcluir
  2. Varg Vikernes o homem por tras de Burzum e seu Black Metal excelente.

    ResponderExcluir
  3. procuro a muito tempo essa discografia, unico blog q encontrei a discografia do Burzum, simplesmente fantastico. mantenham os links ativos por favor e vamos espalhar a filosofia maravilhosa de Varg

    ResponderExcluir
  4. Ola rudao, o link de The ways of yore está quebrado. Obrigada!

    ResponderExcluir
  5. Excelente blog, nota 10 demais. Downloads funcionando e muito rápido, parabéns, abraços.

    ResponderExcluir
  6. Cara o Fallen ta com o arquivo excluido

    ResponderExcluir